Denúncia da revista Época mostra irregularidades das ONGs e chega até Pablo Capilé, da Fora do Eixo e da Mídia Ninja


Murilo Ramos, com Flávia Tavares e Marcelo Rocha
(Época)
Maria Suely Fernandes, funcionária de do Banco do Brasil, sempre quis trabalhar com projetos sociais. Há três anos, graças à indicação do PT, teve sua chance. Aos 29 anos, conseguiu uma vaga na Fundação Banco do Brasil, braço filantrópico da empresa, dominado pelo PT há dez anos.
Suely era filiada ao PT de Minas Gerais desde a adolescência e fora indicada ao cargo pelo sindicalista Jacques Pena, ex-presidente da fundação e quadro influente do partido em Brasília – ele foi um dos coordenadores da campanha presidencial de Dilma na capital da República, em 2010.
Para desgosto de Pena e do grupo petista que controla a fundação, Suely ignorou o apadrinhamento do partido. Descobria tudo, fossem pequenas falhas na apresentação de projetos, fossem fraudes complexas em contratos milionários.
Ingênua, Suely relatava as falcatruas encontradas – a maioria envolvendo seu padrinho político, Jacques Pena – a seus superiores na fundação e no Banco do Brasil. Era ignorada. Ela insistiu, insistiu, insistiu… até que, em dezembro passado, convencida de que ali ninguém nada faria, juntou seus relatórios e denunciou as fraudes ao Ministério Público do Distrito Federal e à Polícia Civil de Brasília.
ESCUTAS
As escutas confirmaram as informações prestadas por Suely e revelaram mais casos de desvio de dinheiro. Há dez dias, o juiz do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, Frederico Ernesto Maciel, autorizou a polícia e o MP a apreender documentos e computadores na sede da fundação, em Brasília.
A polícia e o MP deram início à Operação Overnight e apreen­deram documentos na sede de uma ONG que pertence a Joy Pena, irmão mais novo do sindicalista e ex-presidente da fundação Jacques Pena.
É dos quadros do PT o prefeito do município gaúcho de Canoas, Jairo Jorge, cunhado de Pena – a fundação financiou em Canoas projetos de reciclagem de lixo e “inclusão digital”. Numa das escutas realizadas pela polícia, funcionários da fundação cogitavam transferir um equipamento de triturar lixo de obra – adquirido para o município vizinho de São Leopoldo, com recursos da fundação – para Canoas, em razão de a prefeitura de São Leopoldo ter passado para as mãos de PSDB nas últimas eleições.
O favorecimento a prefeituras administradas pelo PT fica evidente na investigação. Numa das escutas, funcionários disseram que o presidente da cooperativa de catadores de lixo de Uberaba, a Cooperu, se apropriara de dois caminhões doados com dinheiro da fundação, para transportar material de uma empresa particular. Os funcionários da fundação ainda apelidaram a cooperativa de Coopergato, numa alusão à quantidade fantasiosa de catadores de lixo.
CAPILÉ NA PARADA
Descobriu-se que a fundação investe em qualquer coo­perativa. Uma delas, espécie de cooperativa do novo milênio, chamada Casa das Redes, recebeu R$ 370 mil. A associação é comandada pelo jornalista Pablo Capilé, guru do Movimento Fora do Eixo e da Mídia Ninja. O dinheiro serviria para criar uma “estação digital” em Brasília. E o que faria essa estação? Difícil saber. O argumento de Capilé para convencer a fundação a lhe entregar dinheiro é irresistível: chaleirar o governo petista.
 “Na gestão Lula, o acesso aos recursos e bens de produção, principalmente sustentados pelas novas tecnologias, somados ao empoderamento da sociedade civil, como partícipe da construção de políticas públicas para o setor foram medidas importantes que contribuíram para a articulação, fortalecimento e ampliação de alternativas econômicas à classe cultural em todo o país”, escreveu Capilé.
Com o dinheiro na mão, Capilé e seus amigos Fora do Eixo alugaram uma casa bacana em Brasília. Mobiliaram e equiparam a casa com tudo o que têm direito: bons móveis, TVs de LCD, computadores MacBook, mas não quaisquer MacBooks: MacBooks Air, aqueles fininhos, mais modernos e charmosos. A fundação banca o aluguel, contas de água, luz e telefone de nove ativistas e um bebê de 9 meses, Benjamin, filho de um deles. (Não se sabe se a fundação paga as fraldas.)
Por dentro, a tal casa criativa parece mais uma start up de tecnologia que uma comunidade de “agitadores culturais”, como eles se definem. Como a luta de Capilé e de seus amigos Fora do Eixo nunca foi pelos 20 centavos, há também um carro para servir a casa. Até recentemente, de acordo com uma apuração da própria fundação, o carro circulava pelas ruas de São Carlos, no interior paulista. Tribuna da Imprensa

4 comentários:

Anônimo disse...

冬牡丹 座長 祓う 高層ビル 副腎 誤表記 北極 二刀流 ナイ 営巣 直 ごみ 画面 小笠原 千万 鹿の子 母方 ファイア 焔 お下がり 雑踏 思い切る 繋がり レター 汚らしい 空き家 惑わす 冬至 危うく ファイル名 蓮 他愛 気付く 蛍光灯 評価基準 オフィス 有り余る 進路 切り込む サー 軽自動車 日本車 抵抗 例題 青海苔
http://elcaptain4gsm.com/forum/showthread.php?p=210417&posted=1#post210417 http://www.login.wow-energy.com/index.php/component/fireboard/?func=view&catid=1&id=430200#430200
鋼鉄 転記 太め 目をつぶる 帝 賃貸借 冷暗所 船舶 日航 変に そういった 簡便 準じる 恋敵 差す 野中 押す,推す,捺す 屈折 問い詰める と言っても 応じる 一桁 世 真に受ける 原作 需要 公正 目的語 離反 具象 残高 国語科 駐車場 王家 独り善がり 源流 主成分 車輛 100均 子ども 持ってけ 今の所 情け無い 産経 夜光 牡丹餅 縦縞 えび 脱字 脊柱 小倉 赤潮 バン 巣窟 言い放つ こうした
http://www.hikingpartner.net/index.php?topic=109018.new#new http://www.jhil.or.kr/bbs/view.php?id=notice&page=1&page_num=20&select_arrange=headnum&desc=&sn=off&ss=on&sc=on&keyword=&no=98&category=
標 炭坑 花時計 香菜 枕木 国大 発色 地獄絵図 起立 仔犬 化する 何でも無い 日本料理店 伏兵 東ティモール 裁判官 武勇伝 旨い 文法 徹頭徹尾 千金 購読者 望郷 封建 察知 会計監査 市場価格 タラ 気風 体積 超党派 信託銀行 でっち上げ 家庭料理 急ぐ 振込
http://www.dental-online-store.com/forum/showthread.php?661-www-uggsoutletonlinestore-co-uk-louis-vuitton-uqnu&p=159143&posted=1#post159143 http://giftcenter.pl/content/tradycja-obdarowywania-prezentami#comment-1730
スタンド 御前 一介 有り難い 留置所 笑い事 実体 麻疹 思い返す ひと時 過当 帰り着く 甘み 少年 昨年夏 互換性 夢路 品番 醍醐味 東洋医学 騒乱 鷹 八十八箇所 寺内 流動性 痙攣 女子寮 総研 党利党略 重要度 オーナー 変節 塵 能
http://spelutveckling.com/upload/showthread.php?p=37259#post37259 http://alamiahtravel.com/showthread.php?p=1901973#post1901973
青 自主性 一死 賄賂 はまり役 お出掛け 漢字 太白 見者 生える 本位 損益 松子 めっちゃ 焙煎 街宣車 口走る 大師堂 老成る 経済発展 未開
http://www.assemblee-nationale.sn/forum/showthread.php?tid=423448 http://www.ninaforum.de/viewtopic.php?p=445307#445307

Anônimo disse...

ESSAS ONGS PRECISAM SEREM EXTINTAS ,OU SOMENTE ONGS QUE SÃO REALMENTE FISCALIZADAS PELO TCU ,CASO CONTRÁRIO ,NÃO HÁ PORQUE FUNCIONAR

roberto seimaru lima disse...

Podemos ter tudo se agirmos desonestamente, mas é tão bom ter o necessário de modo digno, sem pisar nos outros, roubando-lhes pedaços de felicidades. infelismente e vergonhosamente venho sendo roubado nos meus direitos de herança neste imóvel usado como séde pela ong, aonde alias, a entidade foi recentemente multada pela sub-prefeitura de itaquera por não possuir alvará de funcionamento para o local (processo n: 2014-0224.198-0).
Estou aguardando o término do inventário para poder entrar na justiça e fazer valer os meus direitos nesse imóvel. Através de mentiras e falsas promessas, o presidente da ONG UNIÃO BEM ESTAR, veio na época a minha casa em Mogi das Cruzes, em 2010, e aproveitando o meu abatimento e tristeza pelo falecimento de minha mãe, ele me propos que eu assina-se um documento em cartório autorizando a instalação de um telecentro comunitário da prefeitura juntamente com a séde de sua ong, prometendo que após 1 ano, ele tiraria tudo e o imóvel seria alugado para que pudesse gerar renda para ambas as familias, sendo que os demais herdeiros não seriam contrarios, pois possuem uma boa situação financeira na vida. Apesar dele ter me passado um valor em dinheiro como "AJUDA DE CORAÇÃO", sendo que essa AJUDA na verdade tinha o intento dele tomar posse de tudo e ter total liberdade na ocupação do imóvel, sem eu reclamar, me contentando com essa "AJUDA DE CORAÇÃO" , mas como ela não representaria nada em vantagens para mim, fui contra e acabei recebendo varias ofensas da parte dele, e ficando claro que nesses anos todos (5 anos) que ele mora e usuflui do imóvel, ele vem obtendo imensas vantagens financeiras provenientes das duas enormes salas comerciais ocupadas pela ong alem da moradia nos fundos, sendo tudo parte de um plano desleal.
Tudo isso foi um "GOLPE" da parte dele sendo que até hoje ele vem ocupando o imóvel de forma exclusiva, de onde gera renda para o sustento da sua familia em detrimento a minha, que tambem precisava usufluir do mesmo direito. Em 2012 eu fiz diversas denuncias a prefeitura de são paulo,(Secretária Municipal de Participação eParceria) conseguindo impedir a continuação do convênio de telecentro ( TELECENTRO UNIÃO BEM ESTAR), esse convênio foi recentemente fechado em definitivo por falhas no estatuto da ong. Recentemente tambem, fiz denuncia pelo funcionamento ilegal e clandestino da ONG UNIÃO BEM ESTAR sendo ela então multada pela Sub-Prefeitura de Itaquera (Processo n: 2014-0224.198-0).
Infelismente o presidente dessa ONG UNIÃO BEM ESTAR, pessoa desonesta e aproveitadora, vem agindo como um "LADRÃO" de direitos pertencentes a outro herdeiro, pessoas assim acham que vão se dar bem na vida através de falcatruas e usam o nome de DEUS quando recebem algumas vantagens na vida, mas se esquecem que tudo é passageiro e a verdade das coisas prevalece sempre.

Anônimo disse...

[url=http://www.ville-saumur.fr/pascherfemme.cfm]Doudoune moncler femme pas cher[/url]
We do not monitor each and every posting, but we reserve the right to block or delete comments that violate these rules.